ACESSIBILIDADE MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE TAMANHO DA FONTE:
  • A+
  • A
  • A-

POSTADO EM 09 ago 2021 · Educação

AULAS RECOMEÇAM NAS ESCOLAS MUNICIPAIS, COM ANÚNCIO DE INVESTIMENTOS NA EDUCAÇÃO EM ITUMBIARA

 

As aulas presenciais para 12.468 alunos de 19 escolas municipais e 15 CMEIs (centros de educação infantil) em Itumbiara estão sendo retomadas nesta segunda-feira, dia 9 de agosto, contemplando a educação infantil, o ensino fundamental (anos iniciais e finais, do primeiro ao nono ano) e a EJA, Educação de Jovens e Adultos. Na semana passada, foram feitas as aulas on-line, com consulta aos pais e estudantes sobre o retorno ao ensino presencial. A Prefeitura / Secretaria Municipal de Educação (SME) continuará com atividades virtuais para as famílias que não quiserem o retorno presencial.

Antes da retomada das aulas, o prefeito de Itumbiara, Dione Araújo, a secretária de Educação, Silvana Fernandes Matos Macedo, a equipe da SME os vereadores Dr. José Orestes, Ednon Fio, Henrique Borges, Pastor Ailton, Policial Rolissandro, Samir Júnior, Sellymare Gomes, Wellington Areda e Zezé Preto e o presidente da OAB Itumbiara, Márcio Rodrigues Vieira, participaram de um encontro com os gestores das escolas e dos CMEIs. O encontro fez parte de uma programação de planejamento para o segundo semestre letivo deste ano de 2021.

No encontro, algumas crianças vestiram o uniforme que será usado pelos alunos da rede municipal de ensino em 2022.

O prefeito Dione Araújo disse que tem olhar atento para todas as áreas da Prefeitura, mas um carinho especial pela educação das crianças e adolescentes. Ele lembrou que não participou do início do ano letivo, em janeiro, porque estava no início do mandato, verificando as ações para organizar o município, que recebeu dívidas da gestão anterior. E que agora esteve presente, porque tem condições de proporcionar melhorias e propor investimentos que vão garantir uma educação de qualidade.

Entre os investimentos mencionados, o destaque foi o PMEM, Programa de Manutenção das Escolas Municipais. Todos os gestores das escolas municipais e CMEIs agradeceram e destacaram a importância deste recurso na manutenção, autonomia e credibilidade para mesmas. O PMEM é pago em 10 parcelas por ano. Mas, em todos os depoimentos, foi confirmado que o pagamento dessas 10 parcelas está sendo cumprido pela primeira vez e que nunca, anteriormente, podiam ter um planejamento e muito menos contar com esse recurso. Neste ano, já foram pagos as cinco primeiras parcelas, dentro de cada mês. E além das cinco parcelas pagas até agora, tem um PMEM emergencial referente ao mês de julho. Por ser férias escolares, não teria o pagamento, mas a Prefeitura / SME decidiu passar o PMEM emergencial para a retomada das aulas, com o objetivo de atender todos os protocolos da biossegurança e da Vigilância Sanitária. Totalizando assim, 11 parcelas neste ano e não 10 parcelas, como previsto na lei.

A secretária Silvana Fernandes fez um balanço dos primeiros sete meses de gestão na SME. Os gestores das escolas e CMEIs relataram as experiências no primeiro semestre deste ano.

Detalharemos os assuntos em outras reportagens.

#todospelaeducacao

REPORTAGEM: DIONI RIBEIRO / DECOM
FOTOS: ROBSON HENRIQUE / DECOM