ACESSIBILIDADE MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE TAMANHO DA FONTE:
  • A+
  • A
  • A-

POSTADO EM 10 mai 2021 · Vacinação

ITUMBIARA AVANÇA NA VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 DE PESSOAS COM COMORBIDADES

Em Itumbiara, a vacinação de primeira dose, da vacina AstraZeneca, para pessoas com comordidades continua nesta segunda-feira, dia 10 de maio. Desta vez, o público é quem tem entre 30 e 44 anos e se enquadra na lista de comorbidades repassada pela Secretaria Estadual de Saúde. A lista está disponível no site itumbiara.go.gov.br/vacinacao . As pessoas com comorbidades, acima dos 44 anos, que não se vacinaram na semana passada podem se vacinar nesta segunda.
É necessário apresentar documento pessoal de identificação com foto (como carteira de identidade ou CNH), CPF, Cartão SUS, cartão de vacinação e comprovante de endereço. Mas também é necessário o formulário padrão de indicação da vacinação contra a Covid-19 ou a cópia do laudo devidamente preenchido, carimbado e assinado pelo médico assistente. O formulário também está no site itumbiara.go.gov.br/vacinacao .
A pessoa a ser vacinada deve levar uma cópia do comprovante de endereço que esteja em seu nome. Se não estiver, deve levar uma declaração, fetia e assinada de próprio punho, informando que mora ou trabalha em Itumbiara. Esta declaração será anexada ao comprovante de endereço. A equipe da Secretaria Municipal de Saúde lembra que uma declaração falsa é crime, previsto no artigo 289 do Código Penal.
A vacinação nesta segunda irá até as 16 horas, no espaço do Capim de Ouro, apenas no sistema drive-thru, dentro dos carros. Já no Colégio Estadual Dom Veloso, com entrada pela portaria da Rua João Rodrigues Jota (antiga Rua 10), no Bairro Santos Dumont, o atendimento é somente a pedestres.
QUASE 35 MIL DOSES
Em Itumbiara, do início da vacinação contra a Covdi-19, em janeiro, até o último sábado, dia 8, foram aplicadas quase 35 mil doses (34.878), sendo 22.103 de primeira dose e 12.775 de segunda dose.
PRESENTE DE DIA DAS MÃES
A Tânia Santos Almeida Ferreira, de 46 anos, recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no sábado. Ela disse que ficou “muito feliz” e considerou a vacinação “um presente antecipado do Dia das Mães”.
REPORTAGEM: DIONI RIBEIRO / DECOM
FOTOS: ROBSON HENRIQUE / DECOM