ACESSIBILIDADE MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE TAMANHO DA FONTE:
  • A+
  • A
  • A-

POSTADO EM 04 jun 2021 · Vacinação

COVID-19 EM ITUMBIARA: SAÚDE AVANÇA COM VACINAÇÃO POR IDADES

Nesta sexta-feira, serão vacinadas pessoas com 57 e 56 anos e no sábado, 55 e 54 anos
A Secretaria Municipal de Saúde, de Itumbiara, avança com a vacinação contra a Covid-19, com a primeira dose da vacina AstraZeneca, por ordem decrescente de idade. Nesta sexta-feira, dia 4 de junho, serão vacinadas as pessoas com 57 e 56 anos. Já no sábado, dia 5, será para quem tem 55 e 54 anos.
O secretário de Saúde, Guilherme Davi, e a superintendente de Vigilância em Saúde, Elinamar Arantes, explicam que as pessoas com 58 e 59 anos, que não foram imunizadas nas etapas anteriores, também podem procurar os locais de vacinação.
Na sexta-feira e no sábado, a vacinação será das 12 às 18 horas em dois lugares. No espaço Capim de Ouro, na Avenida Beira Rio, é no sistema drive-thru, dentro dos carros. Já no Colégio Estadual Dom Veloso, com entrada pela portaria da Rua João Rodrigues Jota (antiga Rua 10), no Bairro Santos Dumont, o atendimento é para pedestres.
É necessário apresentar CPF, Cartão SUS, cartão de vacinação e originais e cópias do documento de identificação com foto (como carteira de identidade ou CNH) e do comprovante de endereço. Caso o comprovante de endereço não esteja no nome da pessoa a ser vacinada, ela deve fazer uma declaração, de próprio punho, informando que mora ou trabalha em Itumbiara. A declaração será anexada ao comprovante de endereço original. A equipe da Secretaria Municipal de Saúde lembra que fazer declaração falsa é crime, previsto no Artigo 299 do Código Penal Brasileiro.
IMUNIZE CONTRA A FOME
Nos dois postos de vacinação é realizada ainda a campanha “Imunize contra a Fome”, uma parceria da Prefeitura de Itumbiara, por meio da FUNSOL, a Fundação de Solidariedade, com o sistema Fecomércio Sesc-Senac, com o programa Mesa Brasil. É pedida a doação voluntária de um quilo de alimento não perecível. Os alimentos serão doados a famílias em situação de vulnerabilidade social da cidade.